Rio Rural Voo Livre Parapente O Seu Espaço Na Zona Oeste.

Parapente
O que você achou dessa nova modalidade Parabase ?
gostaria de participar ?
achou super maneiro ?
Apoia a junção ?
Apoia os eventos
Não gostou ?
Enalteceu nosso esporte ?
Gostou muito?
Faltam mais investimentos
Ver Resultados

Rating: 3.0/5 (540 votos)




ONLINE
1





Partilhe este Site...



   parabase 

   anac       

   soares

   cbvl

   logo rio rural

 

  Cab voo livre

 

download book, 737346, link, this link, fee epub, site 982440, 988423, link 727349, get pdf, download pdf,

Manutenção De parapentes
Manutenção De parapentes

Importância da Revisão do Parapente.

 

Na realidade, pouco se conhece sobre o assunto revisão, no Brasil e, alguns mitos circulam nossas rampas e acabam virando a referência, em termos de Vida útil do parapente, muito se fala sobre a porosidade da vela, como se este fosse o fator determinante do estado geral de um parapente, enquanto o estado das linhas, que são o gabarito, talvez com maior importância de uma vela, pouco se comenta.

tempo de vida:


Tecido poroso ou deformado demais, linhas deformadas, modificando pouco a pouco a geometria original do equipamento, assim como um comportamento estranho na vela, são pequenos sinais de que há algum problema no equipamento e que precisa ser verificado.
As linhas de um parapente, por exemplo, são iguais aos pneus de um carro: precisam ser trocadas regularmente. Uma vela mal cuidada pode ter a sua duração de vida reduzida pela metade.
Cuidado para não confundir porosidade e capacidade de vôo: a deformação da estrutura ou a diminuição da resistência do tecido, pode ser causa de dispensa para um equipamento ainda impermeável.

 

Intervalo para revisão:



É recomendável, para quem voa regularmente, uma revisão a cada 100 horas ou seis meses. Se voar pouco, ainda assim, um controle por ano, já que o material se desgasta mesmo se não for usado. É imprescindível fazer um controle depois de um acidente (ex: arborizar). 
Não abra mão da primeira revisão anual, mesmo com poucas horas de vôo, pAois ela validará a garantia de seu equipamento e detectará, talvez, um leve defeito não constatado pelo fabricante no vôo teste, antes da entrega.

 

Sinais indicando a necessidade de realizar um controle:


Preste atenção em alguns sinais que podem mostrar a necessidade de uma revisão em seu equipamento:
1) Inflagem lenta;
2) Perda de homogeneidade ao inflar;
3) Pontos danificados aparentes;
4) Sensação de lentidão, em posição de velocidade máxima;
5) Respostas negativas as inflagens;
6) Reações lentas aos comandos; etc.

 

 

Dica:

Para testar tudo isso, não tem nada melhor que uma série de inflagens em terreno plano, sem vento, para pôr em evidência esses problemas.

 

Estimar visualmente o estado de uma vela usada:

Não se pode constatar problemas - muitas vezes sérios - no equipamento, sem uma revisão completa: apenas testes (rompimento de linha, rachadura do tecido e inspeções periódicas) são eficientes, se realizados por equipe qualificada.

 

Cor:

 

Nem todas as cores envelhecem da mesma forma. Os fabricantes indicam para cada cor os valores de resistência aos UV (ultravioleta).

 

Tecidos:

FALAR SOBRE OS TECIDOS!!!

 

Linhas:


Os materiais mais conhecidos são o kevlar, dyneema e technora. O dyneema parece envelhecer melhor e ter melhor resistência, porém encolhe de forma não uniforme. Os construtores não o utilizam mais para linhas baixas e médias, para as quais preferem utilizar kevlar, que não muda de tamanho, mas envelhece mais e é sensível à umidade e torções. O dyneema...

 

 

Para uma inspeção/revisão de seu equipamento, basta seguir estes passos:

 

1° optar por uma revisão simples ou revisão completa;
2° preencher corretamente a ficha de inspeção, com nome, endereço, telefones, e-mail e números da documentação necessária (CPF e RG) para retorno de postagem.

 

Prazo de devolução de equipamentos


Dependerá do serviço a ser realizado e do que estará danificado, bem como do fluxo de serviço.Nossa proposta é trabalhar com calma e atentos aos detalhes.Uma revisão adequada demanda tempo, uma revisão completa, por exemplo, são cerca de seis horas de trabalho! Normalmente, dentro de uma semana seu equipamento estará pronto.

Inspeção/revisão simples:

 

Indicada para pessoas que voam com pouca freqüência, mas principalmente, para voadores que tenham plena certeza do estado geral de sua vela e os pontos que devem ser reparados/recuperados.
Dentro desta inspeção/revisão, estão incluídos os seguintes serviços:
1) Inspeção visual de tecidos e linhas;
2) Teste de porosidade de tecidos (extradorso e intradorso);
3) Teste de resistência de tecidos (extradorso e intradorso);
4) Troca de linhas de freio (opcional) e;
5) Laudo de garantia de revisão.

 

Inspeção/revisão completa:

 

Indicada para pessoas que voam freqüentemente, em qualquer condição, e/ou que queiram manter periodicamente seu equipamento em total segurança
Dentro desta inspeção/revisão, estão incluídos os seguintes serviços:
1) Inspeção visual de tecidos e linhas;
2) Inspeção de linhas e possíveis pontos danificados;
3) Teste de rompimento de linhas, onde são estouradas três linhas, para aferimento de cargas aplicadas.
4) Medição do comprimento das linhas, segundo o fabricante, Acom carga de peso aplicada.
5) Simetria;
6) Teste de porosidade de tecidos (extradorso e intradorso);
7) Teste de resistência de tecidos (extradorso e intradorso);
8) Inspeção de costuras (linhas e tecidos);
9) Inspeção do bordo de ataque (mailar e costuras) e bordo de fuga (fita protetora);
10) Painéis do intradorso;
11) Painéis do extradorso;
10) inspeção de nervuras (tecidos do perfil, resistência, colth e costuras);
11) troca de linhas de freio;
12) teste de inflagem e;
13) laudo de garantia de revisão.

 

topo